Páginas

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Ambientes de Inovação e Startups

Por Sýndreams

Na última quinta-feira (15/08) a sócia diretora da Sýndreams e Assessora do Curso de Engenharia de Produção da USF, Sandra Elisabeth, realizou a palestra de encerramento do I Encontro SENAI “Roberto Mange” de Inovação, Propriedade Intelectual e Novas Tecnologias.

O objetivo principal do evento foi apresentar as possibilidades de inovação que as indústrias e empresas têm e como o SENAI pode auxiliá-las nesta jornada.

Sandra Elisabeth frisou em sua palestra a importância das empresas se aproximarem das Startups para desenvolverem inovações abertas ou até mesmo ‘pensarem’ como Startups.

O maior benefício da aproximação entre Startups e Indústrias é a junção da flexibilidade e agilidade das Startups com os conhecimentos e expertises da Indústria.

Abaixo algumas fotos do evento!


Fábio Toshio Ueno

Rodolfo Oliveira

Gabriel Panicci

Sandra Elisabeth

Sandra Elisabeth; Fábio Toshio Ueno e Gabriel Panicci

Fábio Toshio Ueno entregando mimo à palestrante Sandra Elisabeth

Sandra Elisabeth

terça-feira, 13 de agosto de 2019

Quando o retrabalho acontece?

Por Sandra Elisabeth


A indústria trabalha diariamente para diminuir o retrabalho, já que o resultado deste é aumento no custo!

Porém, o retrabalho acontece em todos os setores da economia e de negócios.

A área mais comum de haver retrabalhos é no setor de serviços, devido a dificuldade de padronização inerente ao tipo de negócio.

Mas, porque o retrabalho acontece?

O motivo mais comum para isto acontecer é a falta de planejamento!

Parece óbvio “planejar”, mas nem sempre isto acontece.

Muitas vezes começamos o trabalho ou atividade, planejamos o cronograma, mas nos esquecemos de pensar o objetivo final do que está sendo feito e não prevemos os prováveis cenários ou mudanças que podem acontecer!

Uma ferramenta que pode ajudar e muito é o Business Model Canvas!

Mesmo que seu empreendimento já esteja rodando, que você já sabe qual é a atividade final, quem é o cliente, etc. recomendo que elabore um Canvas exclusivo para a atividade que está desenvolvendo.

Serão duas ou três horas pensando sobre o projeto que lhe pouparão muito retrabalho!

Recentemente participei de um projeto em que precisei refazer todo o trabalho, TODO MESMO! Aconteceram três alterações durante o processo, que no final resultou no retrabalho completo.

Tudo porque não se tinha informações suficientes para a elaboração do projeto, apenas a data final de entrega e um benchmarking mal elaborado, já que a ideia inicial era “copiar” algo de quem já fazia, sem responder perguntas simples:
  • Quem será o cliente do projeto?
  • Quais são as propostas de valores destes clientes?
  • Como o projeto ganha dinheiro?
  • A empresa em que o benchmarking foi feito atende os mesmos clientes com os mesmos valores e mesmos objetivos?
  • Para atender os valores dos clientes quais as atividades precisamos fazer?
  • Para atender os valores dos clientes quais os recursos precisamos ter?
  • Quais os custos envolvidos?
  • Quem serão os parceiros que poderão auxiliar no projeto?

Eu não me importei em refazer, já que vou ganhar duas vezes! Mas quem pagou, poderia ter economizado o dinheiro e o tempo! Já que devido o retrabalho o projeto teve um atraso de 4 meses!

Portanto, cuidado: todo o projeto,  produto, serviço, antes de se iniciar precisa de planejamento!

Minha dica é usar o Canvas, que é uma ferramenta simples e pode antecipar as provaveis falhas e diminuindo a probabilidade de retrabalho!

segunda-feira, 29 de julho de 2019

Trilha da Inovação: Indústria 4.0 e o Agronegócios

Por Sandra Elisabeth e Celso Carrer


O termo Indústria 4.0 foi cunhado pela primeira vez na Alemanha em 2011 e se refere a Quarta Revolução Industrial pela qual passamos neste momento.

A contagem de Revoluções Industriais começou no século XVIII, com a Primeira Revolução Industrial, momento em que surgem as primeiras máquinas à vapor e a população saí do campo  e vai para as cidades trabalhar nas fábricas.




Noventa anos anos após a Primeira Revolução Industrial, surge a Segunda Revolução Industrial, que inclusive é amplamente estudada nas disciplinas de história e geografia pelo impacto gerado em todas as áreas da sociedade, incluindo artes, literatura, economia, etc.

A Terceira Revolução Industrial, como observado na figura 01, aconteceu em 1970, cem anos após a Segunda Revolução Industrial e diferente das duas primeiras trouxe transformações quase que exclusivamente para o setor produtivo.

E quarenta anos após a Terceira Revolução Industrial, surge a Quarta Revolução Industrial, com impactos significativos em toda a sociedade, assim como foi a Segunda Revolução Industrial.

Porém, diferente do que aconteceu no passado, a Quarta Revolução Industrial ou Indústria 4.0 trás consigo muita tecnologia para ser aplicada no campo, melhorando a vida do produtos rural e fazendo com que os jovens permaneçam em suas terras, buscando inovar nas áreas que já conhecem.

Faz parte deste cenário as máquinas agrícolas com Inteligência Artificial, como por exemplo soluções de pesagem de carga com a máquina em movimento podendo os dados serem acessados remotamente para gerenciamento da produtividade (CATERPILLAR, 2019).

Ou ainda soluções de máquinas e equipamentos autônomos ou semiautônos, com controle remoto, além dos que contam com a combinação de dados de projeto digitais, orientação na cabine e controles automáticos (CATERPILLAR, 2019).
Mais do que tecnologia embarcada em máquinas, o campo conta ainda com equipamentos que auxiliam no gerenciamento de água, nivelamento; aplicações de insumos; monitoramento e rastreamento, gerando documentações que auxiliam nas tomadas de decisões, bem como na produtividade e qualidade do que se pode ser produzido (JOHN DEERE, 2019).

O impacto da Indústria 4.0 no agronegócios é notório! Vivemos a conectividade máquina-homem-natureza, que trás benefícios para todos os envolvidos ao longo da cadeia produtiva do agronegócios (NOVELLI TU, 2017).

Investir em inovações no campo é garantir uma balança comercial saudável no Brasil, já que este setor é o responsável pela maior parte das exportações, chegando a US$ 101,7 bilhões em 2018 (Reuters, 2019).
  
REFERENCIAL

CATERPILLAR. Tecnologia. Disponível em https://www.cat.com/pt_BR/products/new/technology/payload.html. Acesso em 28 jun 2019.

JOHN DEERE. Soluções para operações no campo. Disponível em https://www.deere.com.br/pt/tecnologia-de-produtos/agricultura-de-precis%C3%A3o/solu%C3%A7%C3%B5es-para-opera%C3%A7%C3%B5es-no-campo/. Acesso em 28 jun 2019.

NOVELLI TU, Natan. Agronegócio: a aplicação da indústria 4.0 na melhora da produtividade e rendimento. USP AUN – Agência Universitária de Notícias USP. Ciência e Tecnologia, Economia e Política. Publicado em 20 jun 2017. Disponível em https://paineira.usp.br/aun/index.php/2017/06/29/agronegocio-a-aplicacao-da-industria-4-0-na-melhora-da-produtividade-e-rendimento/. Acesso em 28 jun 2019.

 

REUTERS. Exportação do agronegócio do Brasil atinge recorde de US$ 101,7 bi em 2018, diz governo. G1.com. Agro. Publicado em 18 jan 2019. Disponível em https://g1.globo.com/economia/agronegocios/noticia/2019/01/18/exportacao-do-agronegocio-do-brasil-atinge-recorde-de-us1017-bi-em-2018-diz-governo.ghtml. Acesso em 28 jun 2019.

 


segunda-feira, 22 de julho de 2019

Economia Criativa, Inovação Industrial e Agronegócios

Por Sýndreams Aceleradora


A Sýndreams Aceleradora de Startups e Empresas é uma das poucas aceleradoras no Brasil que atua em setores reconhecidamente industriais.


Nossa área de atuação começa com Economia Criativa, englobando Moda e toda a indústria têxtil e de confecção; Gastronomia; Cultura; Turismo; Designer de Produtos; Publicidade e Propaganda e claro as áreas de Desenvolvimento de Software.

Em Inovação Industrial, atendemos startups e empresas que desenvolveram produtos (físicos) e serviços diferenciados, que agregam valor a cadeia industrial e podem diminuir custos ou aumentar lucros na indústria. Inovações que estão conectadas com o novo ambiente exponencial e novos conceitos da Indústria 4.0.




Atuamos também na área de agronegócios, envolvendo desde soluções de IoT para o campo até formas inovadoras de produção de alimentos, plantio, irrigação, geração de energia, entre outros.

O que gostamos mesmo é de atuar com produtos físicos, algo que estava no papel e depois vira realidade palpável, tocável, que pode ser produzida em pequena ou grande escala, não importa! Queremos movimentar a economia industrial e gerar empregos nas fábricas nacionais.

Somos uma das poucas aceleradoras que investem nestas áreas, pois o retorno financeiro é mais lento do que os negócios envolvendo apenas softwares e há menos dinheiro de investidores neste mercado.

Porém, apesar dos riscos somos uma aceleradora que investe no potencial destes empreendimentos no Brasil e sabemos que temos muito espaço de crescimento e muitos desafios que ainda precisam de solução interna.


Assim, continuamos apostando no desenvolvimento interno e em startups que podem além de produzir inovação nacional exportar as soluções criadas no Brasil.

A Sýndreams Aceleradora acredita na força da Indústria Nacional desde 2012 e por isso desenvolveu um programa específico para as pequenas e médias industriais, para que consigam superar os desafios e atingir o modelo da Indústria 4.0.

Se você empreendedor (empresário) atua em uma destas áreas (economia criativa, inovação industrial ou agronegócios) sinta-se a vontade para agendar uma reunião conosco e conversar mais sobre as possibilidades de inovação e investimento para seu empreendimento.

Esperamos por vocês!

segunda-feira, 15 de julho de 2019

O que é uma boa localização nos dias atuais?

Por Sandra Elisabeth


A poucos anos atrás, todo empreendimento precisar pensar muito em seu “ponto”, sua localização estratégica dizia se o empreendimento teria ou não sucesso. O ideal era sempre estar próximo do cliente!

Foto de Samson Creative

Porém, esta regra vem perdendo a validade!

Quando alguém entra na Internet e compra um produto que é vendido do outro lado do planeta, percebemos que a localização física não faz mais sentido.

Com o surgimento dos serviços de entregas por aplicativos, isto ficou ainda mais fácil. Basta querer vender algo em formato de Delivery que você consegue, com alguns poucos cliques.

O cliente também, pensando em facilidade e comodidade prefere comprar pelo celular e receber em sua casa!

Até os Bancos precisaram inovar e aderir a esta nova modalidade.

Não faz mais sentido algum, para muitas pessoas, ter que mudar seu estilo de vida, o bairro onde mora ou até mesmo a cidade que reside apenas para participar de um treinamento, fazer uma graduação ou até mesmo receber consultoria ou ser acelerado.

A tecnologia reduziu as distâncias e proporcionou a possibilidade do cliente se aproximar dos melhores produtos e serviços existentes no mundo todo!

Estar presente fisicamente não significa ficar mais preparado, ter melhores resultados e nem mesmo comprovar qualidade. O cliente já sabe verificar isto tudo on line!

Na Sýndreams, por exemplo, respeitamos o desejo do empreendedor e não o obrigamos a estar fisicamente na aceleradora! Ele se quer precisar vir nos visitar! Claro que adoramos e preferimos as mentorias presenciais, mas os encontros a distâncias são tão produtivos quanto!

Por isso, repense seu empreendimento, é necessário estar disponível para o cliente e não próximo fisicamente.

E você, como está o seu empreendimento?

segunda-feira, 1 de julho de 2019

Trilha da Inovação: Inovação no Agronegócios

Por Sandra Elisabeth e Celso Carrer


Inovação é uma técnica essencial para mudar o consumo padrões e melhorar a eficiência ao longo da cadeia alimentar. A inovação é necessária em fornecedores, fábricas e  produtores agrícolas, distribuidores de alimentos e varejistas de alimentos para satisfazer os consumidores” (GUNDERSON; BOEHLJE; NEVES; SONKA, 2014, p. 66).

Assim como acontece em outros setores da economia a inovação é capaz de impulsionar e melhorar o desenvolvimento e resultados dos empreendimentos do agronegócio (HAYAMI; RUTTAN, 1988).


Um dos setores que mais crescem no Brasil  é o do agronegócios, segundo dados do Censo AgTech, em 2017 houve um aumento de 150% no número de startups voltadas para este setor (ESALQ/USP, 2018).

Estas startups são de alta tecnologia e oferecem ao campo meios de melhorarem a produtividade, o produto, a colheita, a engorda do gado, entre outras soluções que são de grande importancia para quem atua nas fazendas.

Neste sentido podemos citar algumas startups desenvolvidas no interior de São Paulo, tais como:

Hidrofito: sistema de gerenciamento agrícola, baseado na variação espacial das propriedades do solo e da planta, que visa a otimização dos lucros, sustentabilidade e proteção ambiental (HIDROFITO, 2019).

Gerassol: Tecnologia de concentração solar de alta potencia (CSP) por calhas parabólicas GERASSOL e turbina ou motor a vapor com potencia de 01 a 100 KW, ou seja, um micro gerador solar que converte energia solar em energia elétrica (UNICETEX, 2019).

Estou Legal: Adequação para Certificação de produto dentro do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade do Inmetro. Tem como objetivo a melhoria contínua para reduzir custos, aumentar a produtividade e manter-se competitivo no mercado (UNICETEX, 2019).

Equinova: Serviço de gestão e de monitoramento que vai otimizar as decisões referentes a criação e acompanhar remotamente os eqüinos no estábulos. São produtos interligados, com a finalidade de assegurar o bem-estar de equinos (UNICATEX, 2019).

Agroinova: leva tecnologia para o agronegócio, com soluções inovadoras para o mercado aquícola e agropecuário. Desenvolvidos com a expertise de tecnólogos e zootecnistas, seus produtos facilitam um melhor gerenciamento, execução e administração desde as atividades de campo – como manejo, classificação e biometria – até as rotinas de negócio – como controle de estoque e financeiro e compra e venda – possibilitando que um dos mais representativos setores do país se torne ainda mais produtivo e rentável (AGROINOVA, 2019).

Solinova: desenvolve projetos que envolvem técnicas de eficiência energética, fontes alternativas de energias renováveis, desenvolvimento tecnológico para equipamentos, ligados ao mercado de energia, além de consultorias e diagnósticos de mercado, comercialização de produtos e serviços especializados de engenharia energética voltados ao agronegócio e regiões descentralizadas do Brasil (SOLINOVA, 2019).

Percebe-se que cada uma destas empresas apresenta uma solução diferenciada para o campo, proporcionando a sua maneira que o agricultor, pecuarista, aquicultor, etc. controle melhor sua produção, gere energia de maneira mais eficiente, obtenha as certificações necessárias para o seu empreendimento, entre outras coisas, aumentando a lucratividade de toda a cadeia produtiva.

REFERÊNCIAS:

AGROINOVA. AgroInova. Disponível em: http://agroinova.com.br/agroinova/. Acesso em 12/jun/2019.

GUNDERSON; BOEHLJE; NEVES; SONKA. Agribusiness Organization and Management. Encyclopedia of Agriculture and Food Systems, v. 1. Elsevier Inc., 2014.

HAYAMI, Y.; RUTTAN V.W. Desenvolvimento agrícola: teoria e experiências internacionais. Brasília, DF. EMBRAPA-DPU, 1988.

HIDROFITO. Sobre. Disponível em https://www.linkedin.com/company/hidrofito-agricultura-de-alta-efici%C3%AAncia/about/. Acesso em 12/jun/2019.

SOLINOVA. Home. Disponível em: https://solinova.com.br/. Acesso em: 12/jun/2019.

UNICETEX. Gerassol. Disponível em: https://docs.wixstatic.com/ugd/2ad832_d2cf8a8946854000879f198d61dfc52d.pdf. Acesso em 12/jun/2019.

UNICETEX. Estou Legal. Disponível em: https://docs.wixstatic.com/ugd/2ad832_a48d45d46e6a4dc6af9988a9371606a7.pdf. Acesso em 12/jun/2019.

UNICETEX. Equinova. Disponível em: https://docs.wixstatic.com/ugd/2ad832_568f2a8ee13d4fdc9d949ef344951eee.pdf. Acesso em 12/jun/2019.

segunda-feira, 24 de junho de 2019

Sandra Elisabeth faz palestra sobre Orçamento e Vendas B2B na Incubadora de Empresas JJ Sans em Santa Bárbara D’Oeste

Por Sýndreams


Duas áreas muito importantes em qualquer empresa são vendas e finanças, já que uma é responsável por trazer dinheiro para a organização e a outra por manter as contas em ordem e apurar se houve lucro ou prejuízo.

Porém, para “ganhar dinheiro é preciso gastar dinheiro”, ou seja, as ações de vendas também geram custos para a empresa.

Geralmente, as vendas que geram mais custos para uma empresa são as do modelo B2B! Isto porque vender para outro CNPJ requer uma série de atividades que antecedem a venda, tais como:



Cada uma destas etapas gera um custo para a empresa, que é importante ser mensurado para que o custo da venda não seja mais caro que o preço final do produto, e até mesmo para que este custo seja contabilizado no momento de se montar o preço de vendas do produto ou serviço.


Foi sobre este assunto que Sandra Elisabeth tratou com os empresários incubados na Incubadora de Empresas JJ Sans dia 07 de junho. A palestra faz parte de um trabalho desenvolvido pela Sýndreams Aceleradora na Incubadora desde maio de 2019 e tem como objetivo auxiliar os empreendedores a aumentarem suas vendas e suas margens de ganhos.

Daniel Monaro em abertura da palestra

Sandra Elisabeth
Além das palestras, os incubados estão recebendo mentorias especializadas mensalmente para que o objetivo do programa seja atingido.

segunda-feira, 17 de junho de 2019

Os caminhos da Inovação no Brasil

Por Sýndreams


Entre os dias 11 e 12 aconteceu em São Paulo o 8º Congresso Brasileiro de Inovação na Indústria.

 
O objetivo do Congresso foi:

- Promover a cultura da inovação empresarial;
- Discutir as oportunidades para o Brasil diante das tecnologias da indústria do futuro;
- Disseminar experiências inovadoras;
- Debater propostas de aprimoramento das políticas públicas de inovação;
- Fortalecer o ecossistema de inovação no Brasil.



Realizado pela CNI – Confederação Nacional da Indústria e pelo SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas o evento reuniu os gestores das principais empresas do país, além de palestrantes brasileiros e internacionais que debateram temas ligados à inovação.

Sandra Elisabeth e Stefano Carnevali, diretores da Sýndreams Aceleradora acompanharam os dois dias de eventos.

Sandra Elisabeth
Para Sandra Elisabeth fica claro a necessidade da educação acadêmica acompanhar o ritmo da inovação e reforça a mensagem de José Claudio Terra (Albert Einsten) “quando afirma que ciência e inovação são muito distintas, a primeira não corre riscos e trabalha apenas com seus pares enquanto inovação envolve grandes riscos e há uma grande necessidade de se envolver com pessoas de áreas diferentes”, e que infelizmente ainda preparamos nossos alunos para serem cientistas ao invés de inovadores!

Stéfano Carnevalli
Já Stefano Carnevalli frisa a importância de se desenvolver inovação dentro e fora das empresas, criando um grande ecossitema de inovação e de startups, investindo em educação digital e de inovação, já que independente do tamanho do empreendimento, todos precisam inovar, principalmente diante do fato apontado pelo Índice Global de Inovação (GII) de que o Brasil é o 10º país mais inovador da América Latina, perdendo para o Chile (1º colocado na América Latina), Costa Rica (2º colocado na América Latina) e México (3º colocado na América Latina). Reforçando que no mundo o Brasil é o 64º colocado e quem lidera o ranking é a Suiça.

Sandra Elisabeth e Stéfano Carnevalli
“Sabemos que o trabalho é grande, mas acreditamos que haja muita oportunidade para ser explorada no Brasil e que as inovações surgirão cada vez com mais força em nosso ecossistema de startup e inovação” - é o que acreditam os diretores da Sýndreams Aceleradora.

domingo, 9 de junho de 2019

Sýndreams 7 anos: nossos agradecimento aos parceiros.




A Sýndreams Aceleradora de startups e empresas comemora 7 anos de fundação neste mês de junho de 2019.

Em nossos programas de pré-aceleração, aceleração e atendimento corporativo, mais de 1.000 empreendedores foram impactados, mais de 120 startups surgiram e mais de 7 $ Milhões de recursos mobilizados.

Palestra sobre Industria 4.0, inovação e startups na Arcelor Mitall

Confraternização com startups aceleradas pela Sýndreams
após evento Acelera FIESP
Com metodologia reconhecida em publicações internacionais, artigos, pesquisas e notícias referenciando os trabalhos desenvolvidos pela Sýndreams, coloca a aceleradora entre as 10 melhores do Brasil.

Livros com estudo da metodologia da Sýndreams
publicados pela editora Global South (EUA)

Autores Sandra Elisabeth e Robisom Calado
no lançamento do primeiro livro em 2015

Essa comemoração só é completa e possível graças ao empenho da equipe e principalmente dos parceiros (investidores e mentores) que também acreditam no desenvolvimento do ecossistema de inovação, startup e empreendedorismo no Brasil.


Osmar Gonçalvez um dos primeiros parceiros da Sýndreams.

José Humberto Andia,
um dos primeiros parceiros da Sýndreams.

Reforçando nossos agradecimentos e também a outros profissionais e amigos que em algum momento contribuíram com o desenvolvimento da Sýndreams.

Mentores e Serviços

Andia Contabilidade e Administração
Especialistas em outsourcing nas áreas fiscal, contábil e departamento pessoal.
Mentora os empreendedores nas áreas de abertura de empresas, contratos com clientes e
sócios e prevenção de passivos fiscais. Experiência de mais de 25 anos de atuação, incluindo auditoria e atuação em áreas de agronegócio. Atualmente faz parte da Diretoria da Associação das Empresas Contábeis e Contabilistas de Santa Bárbara d´Oeste (AECCOSB) e conselho do CRC.

OFG Coaching Business
Assessora presidentes, diretores e gestores de empresas, profissionais de diversas
especialidades e pastores de diversas denominações em uma modalidade diferenciada: o
de ser parceiro e não apenas um prestador de serviço. Empresa sócia da Oxford Group, maior empresa de consultoria brasileira nos EUA auxilia também processo de internacionalização de startups.

MCM Corporate
Escritório Boutique fundado em 2015, dedicado a fomentar o ecossistema de
Empreendedorismo nas etapas de expansão. Especializada em Due Diligence Financeira, Contábil e Tributária e otimização de módulo financeiro e tributário de Software de Gestão (ERP). Mentora as startups que estão próximas de ganhar grande escala, para que recebam os
melhores investimentos.

Motion Animação
Empresa especializada em produzir vídeos animados.
Oferece mentoria e descontos diferenciados aos empreendedores acelerados e pré-acelerados da
Sýndreams.

Ejur Soluções Jurídicas
A EJUR – Empresa Júnior Jurídica é uma associação civil sem fins lucrativos que presta
serviços de cunho jurídico, sendo esses de alta qualidade e custo abaixo do mercado.
Mentora e apoia os empreendedores nas dúvidas jurídicas que envolvem o dia a dia de
uma Startup.

Sling Capital
Uma plataforma fácil, rápida e eficiente para a captação de recursos.
Facilita o empreendedor na busca de investimento anjo.

Chef Andreia Pimentel
Especialista em Entomofagia ministrando palestras e workshops sobre alimentação

com insetos. Atualmente é Chef do quadro “Cardápio Surpresa” no Programa Eliana (SBT) e embaixadora da FISPAL. Professora de Gastronomia na Universidade São Francisco, Bacharel em Hotelaria, possui pós-graduação em Gastronomia Internacional (Anhembi Morumbi), especialização em Cozinha Francesa pelo Le Cordon Bleu Paris e em Cozinha Peruana pelo Le Cordon Bleu Lima.

Thiago de Camargo
Consultor, escritor, colunista e palestrante técnico e motivacional/comportamental. Engenheiro Ambiental pela Escola de Engenharia de Piracicaba, atua a mais de 10 anos com treinamentos e consultoria para indústrias Automotivas.

Dreamidea
Em 2014 a Dreamidea foi idealizada na Finlândia, uma empresa que tem no seu DNA a missão de, a partir da educação, inovação e tecnologia, oferecer ferramentas/conhecimento para desenvolver habilidades de profissionais inquietos, com o intuito de auxiliá-los a materializar seus ideais,e também, proporcionar as empresas soluções para direcionar e potencializar resultados. Atua também com recolocação profissional e recrutamento de talentos.

ETECON Contabilidade
Com 40 anos de existência, tornou-se uma referência na área contábil. Com as Certificações ISO 9001:2015 pela SGS, PQEC+ISO pelo SESCON/SP e implantação do CSI-Certificado de Segurança da Informação pela ISTART, a ETECON solidifica sua atuação no mercado com oferta de serviços decorrentes dos avanços tecnológicos e com segurança das informações digitais. Atualmente faz parte da Diretoria da Associação das Empresas Contábeis e Contabilistas de Santa Bárbara d´Oeste (AECCOSB) e conselho do CRC.

BNZ Innovation
O BNZ Innovation oferece atendimento focado em players do ecossistema de inovação, nacionais e internacionais, com transparência, agilidade e um time que conhece as melhores práticas de atuação global.

Farg Soluções
A FARG é uma fornecedora de soluções integradas de apoio à gestão e expansão
da sua empresa, adotamos uma abordagem simples e prática, orientada para os processos do seu negócio

Parceiros Estratégicos

Gali - Global Accelerator Learning Initiative
Uma colaboração entre a Rede Aspen de Empreendedores em Desenvolvimento (ANDE) e a Emory University, a Global Accelerator Learning Initiative foi possível graças a seus co-criadores e patrocinadores fundadores, incluindo o Laboratório de Desenvolvimento Global dos EUA na Agência dos EUA para Desenvolvimento Internacional, Omidyar Network , A Fundação Lemelson e a Fundação Argidius. Mais apoio foi fornecido pelo governo australiano, pela Kauffman Foundation e pela Stichting DOEN.

IBM Global Entrepreneur
O GEP – Global Entrepreneur Program (Programa Global de Empreendedorismo, em
português) visa auxiliar startups que tenham alguma solução baseada em tecnologia
através de orientação individual técnica de negócios, visibilidade para venture capitals,
parceiros de negócios ou vendedores, possibilidade de participar o IBM SmartCamp* –
maior evento da IBM para startups que reúne empreendedores, investidores,
especialistas de tecnologia e diferentes áreas da indústria, universidades, imprensa etc.
Além de acesso aos softwares IBM, sem encargos, por três anos, ao programa Catalyst,
da SoftLayer – infraestrutura de computação em nuvem da IBM – e ao IBM Bluemix,
plataforma em cloud para criar, gerenciar e desenvolver diversos tipos de aplicativos.

Anjos do Brasil
Organização sem fins lucrativos com fins educacionais tendo como missão fomentar o
empreendedorismo brasileiro, através da disseminação de conhecimento, conexão de
apoiadores (investidores anjos) a novos empreendedores e promoção de políticas
publicas para incentivo e estimulo ao desenvolvimento econômico e social do Brasil.
Parceiro que aproxima startups de investidores anjos.

Aws Activate
A Amazon Web Services oferece às startups a infraestrutura econômica e fácil de usar
necessária para aumentar a escala e crescer. Com o programa AWS Activate, as startups
têm os recursos de que precisam para começar a usar rapidamente a AWS, incluindo
créditos, treinamento e suporte. Oferece créditos em Web Service para as startups em aceleração e pré-aceleração.

Asia Future
Grupo de investidores e relacionamento com países da Ásia e Oceania. O grupo fomenta investimentos e aquisições de startups no Brasil e parcerias globais.

Incubadora de empresas industriais "José João Sans" - Santa Bárbara d´Oeste
Tem o objetivo de oferecer condições para aumentar as chances de novas empresas;
introduzir novas empresas no contexto socioeconômico local; desenvolver empresas
competitivas; gerar novos empregos; fortalecer a economia local; formar
empreendedores, promover a inovação tecnológica, através de intercâmbios com
universidades, institutos e grandes empresas; e formar empreendedores sintonizados
com as exigências de competitividade em uma economia globalizada.
Parceira da Sýndreams Aceleradora, já tivemos muitos projetos de pré-aceleração e
aceleração que foram aceitos pela Incubadora José João Sans.

FIESP Comitê Acelera
O Comitê Acelera FIESP - CAF tem por missão desenvolver e alavancar o empreendedorismo inovador, fomentando o investimento e implementando ações que gerem soluções e ferramentas inovadoras às empresas. O CAF surgiu em razão da importância dos temas inovação, investimento, startup e tecnologia; e da grande procura pelos eventos “Concurso Acelera Startup” e “Hackathon”.

ABDI - Agência para o desenvolvimento da indústria no Brasil
Atua em áreas estratégicas por meio de programas de incentivo, investimentos, capacitação e ações com players da indústria de diferentes setores. As ações da ABDI culminam em uma meta principal: guiar o Brasil para a Indústria 4.0. A transformação na tecnologia gera mudanças na produção e na gestão da indústria e comércio, para produzir mais, a preços menores e de maneira mais inteligente. Seja bem-vindo à nova revolução industrial.

Instituições Educacionais

  • Universidade Dom Bosco Piracicaba
  • EDP Emory University
  • UNIMEP - Universidade Metodista de Piracicaba
  • USF - Universidade São Francisco




A Sýndreams Aceleradora atua com empreendedores, startups e empresas com programas de Pré-Aceleração, Aceleração e Inovação. As áreas principais de atuação são Inovação Industrial, Economia Criativa e Agronegócio. Contato: criativa@syndreams.com.br






segunda-feira, 3 de junho de 2019

NJE CIESP Campinas >> Análise de Dados na Indústria 4.0

Semana da Indústria CIESP Campinas "Transformação Digital: Análise de Dados na Indústria 4.0"

O Núcleo de Jovens Empreendedores do CIESP Campinas realizou na Semana da Indústria 2019  o workshop "Transformação Digital: Análise de Dados na Indústria 4.0".



A abertura do evento contou com a participação de José Alfeu Arruda Cabral (2º Vice Diretor do CIESP Campinas) e Edson José de Oliveira (Coordenador do NJE CIESP Campinas).



O evento foi mediado por Stéfano Carnevalli, Diretor da Sýndreams Aceleradora, que trouxe aos participantes uma dinâmica de conteúdo e interação, simulando a análise de dados para tomada de decisão de uma indústria.




O evento trouxe especialistas que apresentaram diversos temas relacionados com análise de dados, confira:


  • Brayan Ksenhuck (AMBEV) >> "Análise de Dados na Indústria 4.0"


  • Ricardo Tafas (REPO Aceleradora de Produtos) >>  "Cloud or Edge Computing" 



  • Júlia Tessler - IFOOD  >> "Data Science"




  • Adriano Marson (TOTVS IP) >> "Inteligência Artificial" 



  • Raphael Peruccini (SIMPLES DATA - Microsoft Partner) >> "Self Service BI - Power BI"



Os participantes em grupos analisaram dados de uma indústria e tomaram uma decisão sobre o ajuste do orçamento para o próximo ano. Com recomendações e a percepção que mais informações ajudam a tomar melhores decisões.









ARQUIVOS PALESTRAS

Semana da Indústria 2019 - NJE Campinas
Fotos: Acervo CIESP Campinas, Acervo Sýndreams, Acervo TOTVS IP.