Páginas

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Como uma empresa pode superar momentos de crise econômica

Por Sandra Elisabeth

São muitas as estratégias que podemos utilizar para passar quase ilesos por uma crise econômica. Digo “quase” porque é impossível não ser afetado por ela de alguma forma.

O primeiro ponto a ser analisado é a melhoria interna. Coisas simples, como organização dos estoques, limpeza da linha de produção, produtividade prevista das máquinas x o que realmente estão produzindo, controle do caixa, etc.

Essa melhoria interna é importante, pois uma empresa mal organizada, suja, com máquinas ociosas, sem controle de caixa acaba por “deixar de ganhar dinheiro”. É isso mesmo; deixar de ganhar neste contexto é diferente de perder dinheiro. Imagine você em um estoque de produto acabado, se não há organização e registro de tudo o que está lá você corre o risco de deixar de vender um produto para um cliente. Você pensou em risco de alguém te roubar né? Mas nem sempre é isso o que realmente acontece. Já visitei empresas, que durante a visita o responsável praticamente disse: “nossa não sabia que tinha ainda desse produto aqui”! Aí eu pensei: quantas vendas ele deixou de fazer por isso?!

Depois da casa em ordem é necessário olhar para o mercado. O que ele está comprando? Como ele está comprando? Meça se seu produto ainda é o mais desejado pelos seus clientes. Ah, e entenda que seu cliente é o próximo da cadeia de suprimentos que compra seu produto e não o usuário final!

É claro que você precisa pensar no usuário final e no que ele faz com seu produto, porém se você tem um intermediário no caminho entre você e o usuário vai precisar compreender o que ele deseja, caso contrário encontrará outro fornecedor e você não conseguirá entregar seu produto para o usuário final.

Esse é o maior problema nos tempos de crise. A fábrica vende para um atacado, que vende para o varejo que atende o consumidor final. Se a fábrica só olhar para o consumidor final perderá mercado, pois o atacado irá buscar outras fábricas que atendam suas necessidades. Logo, se seu cliente busca preço e você não consegue oferecer o que o usuário final quer com o preço que o cliente deseja pagar, inove, mude seu canal de vendas, ofereça direto para o consumidor final!


Faça as contas, não deixe de ganhar dinheiro! Tome as decisões pensando sempre neste contexto: o que fazer para não deixar de ganhar dinheiro!


Sucesso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário