Páginas

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019

Laboratório de Modelagem do Programa Conexão Startup Brasil

A equipe da Sýndreams Aceleradora de startups e empresas, participou do Laboratório de Modelagem do Programa Conexão Startup Brasil promovido pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), a Softex e o CNPq.



A reunião de trabalho aconteceu na quinta-feira (14/02/19), na sede da FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), reunindo instituições de apoio, aceleradoras, incubadoras e fundos de investimentos. O programa Conexão Startup Brasil tem o objetivo de apoiar equipes empreendedoras e startups em estágios bem iniciais com ideias de soluções para demandas reais de mercado. É uma ação integrada de ideação, conexão, mentoria e investimento. Os participantes receberão capacitação para melhorar seus produtos e podem receber até R$ 200 mil em investimentos seed.


Na abertura analista em Inovação da ABDI, Isabela Gaya, responsável pela condução dos trabalhos, fez um balanço bastante positivo do primeiro dia do laboratório e reforçou a importância das parcerias para desenvolvimento do país. O Diretor do DEMPI FIESP, Marcos Zekcer, também reforçou a importância do fomento de startups e inovação para indústria. Diônes Lima, Vice-Presidente da SOFTEX agradeceu a participação de todos e mencionou sobre as oportunidades e desafios do programa.

Sandra Elisabeth, Diretora Syndreams Aceleradora
Sandra Elisabeth, representando a Sýndreams Aceleradora, indicou alguns desafios, destacando principalmente a necessidade de equipes mais multidisciplinares a frente das startups no Brasil. Também representando a Sýndreams, Stéfano Carnevalli comentou sobre a importância dessa participação: "Bom poder participar, contribuir e rever amigos com o mesmo objetivo: fomentar a inovação e o empreendedorismo no Brasil.".

Stéfano Carnevalli - Diretor Sýndreams Aceleradora.
O evento contou com participação de fundos de investimento, aceleradoras e profissionais como Nei Grando (Especialista em Inovação), Vincenzo Lasalvia (Inova Vinhedo), também da Universidade São Francisco (USF - Campus Bragança Paulista), representada pela Coordenadora do Núcleo de Empregabilidade e Empreendedorismo (NEP), professora Andréia Pimentel.


Representantes de inovação, aceleradoras e incubadoras e Universidades
 em reunião do Conexão Startup Brasil na FIESP.


Mais sobre:







Nenhum comentário:

Postar um comentário